FISCALIZAÇÃO

DRENAGEM URBANA

DRENAGEM URBANA

Através de Lei Federal n.º 11.445/2007, esta temática também passou a ser considerada componente do Saneamento Básico.

Trata-se do conjunto de atividades que visam coletar, transportar e dar destino final às águas de chuva, que em excesso, sejam indesejáveis, através de ação de detenção ou retenção para o amortecimento de vazões de cheias, tratamento e disposição final das águas pluviais drenadas nas áreas urbanas.

A importância de um serviço adequado de drenagem e manejo de águas pluviais urbanas torna-se mais clara para a população das grandes cidades, como a de Mauá, na medida em que se acumulam os efeitos negativos das chuvas, tais como alagamentos, inundações, deslizamentos e perda de rios e lagos.

Um adequado sistema de drenagem, portanto, proporciona uma série de benefícios, tais como:

  • redução de gastos com manutenção de vias públicas;
  • valorização das propriedades existentes na área beneficiada;
  • redução de danos às propriedades e do risco de perdas humanas;
  • escoamento rápido das águas superficiais, facilitando o tráfego por ocasião das chuvas;
  • eliminação da presença de águas estagnadas e lamaçais, focos de doenças;
  • redução de impactos da chuva ao meio ambiente, como erosões e poluição de rios e lagos;
  • redução da incidência de doenças de veiculação hídrica;
  • condições razoáveis de circulação de veículos e pedestres em áreas urbanas, em ocasião de chuvas frequentes e/ou intensas.

Atualmente no município de Mauá estas atividades são correlatas a Secretaria Municipal de Obras e Secretaria Municipal de Serviços Urbanos.

  • Obras Executadas